Startups de Dois Vizinhos ganham projeção e buscam investimentos para expandir

20 de novembro de 2020

Fernando Osmarini (diretor  de Negócios), Fernando Matheus (coordenador de Redes de Prospeção) e Andre Datsch (diretor de Tecnologia), da LeadFinder, incluída na lista Top 10 New Trends 2020.

 

Duas empresas de tecnologia de Dois Vizinhos, no sudoeste do Paraná, têm apresentado performances de chamar a atenção do mercado nacional. A fim de acelerar o crescimento, Leadfinder e Leigado, clientes do Sebrae/PR, estão em busca de financiamentos, mas de formas diferentes.

A LeadFinder, empresa que desenvolveu uma ferramenta digital para prospecção de clientes, apareceu recentemente no Top 10 New Trends (2020). A lista apresenta as dez startups de tendências de 2020 e foi divulgada pela 100 Open Startups, plataforma internacional para startups e cientistas se conectarem com as oportunidades do mercado corporativo e de investimentos.

A presença da Leadfinder na lista de novas tendências resulta de uma pontuação elaborada pela 100 Open Startups, que mede a quantidade e intensidade dos relacionamentos firmados entre a startup e o mercado corporativo (leia-se grandes empresas). Segundo dados da plataforma, das 13.177 startups participantes, 1.310 (cerca de 10%) fizeram inovação aberta com 1.968 empresas nos últimos 12 meses.

“Optamos pelo caminho de conexões com empresas de alcance nacional, como Amazon, Docol, Suvinil e Portobello. Grandes corporações estão atentas para a inovação proporcionada pelas startups”, conta Fernando Osmarini, diretor de negócios da Leadfinder.

A empresa, fundada em 2015, conquistou seu primeiro cliente três anos depois. O apoio da Sudotec (Associação para o Desenvolvimento Tecnológico do Sudoeste do Paraná), onde está incubada, e do Sebrae/PR são apontados como fundamentais para o desenvolvimento do negócio.

“A Sudotec é uma parceira incrível. Com a estrutura que nos oferecem, conseguimos reduzir custos e contratar mais duas pessoas. E contamos com o auxílio do Sebrae desde a conceituação da ideia até a definição do negócio. Estamos em outro momento e o Sebrae continua contribuindo”, completa Osmarini.

Atualmente, a LeadFinder faz parte do Tech by Sebrae, programa voltado para empresas que querem inovar em produtos, serviços e processos, aumentar a competitividade e expandir mercado. Atualmente, os gestores estudam a captação de recursos como possibilidade para acelerar o crescimento. A startup já pensa em uma sede própria e analisa uma segunda captação, por meio de um fundo de investimentos ou investidor anjo.

A Leigado, que desenvolveu soluções digitais para o segmento de gado leiteiro, optou por outra forma de captação, o financiamento coletivo (crowdfunding). Por meio da CapTable, uma plataforma digital colaborativa (https://bit.ly/3pyn9uw), a startup duovizinhense pretende alcançar R$ 840 mil em recursos. Até metade de novembro, 73% do valor já havia sido captado. O prazo para aportes vai até 1º de janeiro de 2021.

“Por sermos uma startup, estamos sempre buscando recursos para poder crescer. Optamos pelo financiamento coletivo pois qualquer pessoa, física ou jurídica, pode investir, com valor mínimo de R$ 700,00”, explica Giandro Masson, diretor executivo da Leigado.

A Leigado, fundada em 2016, também esteve na incubadora tecnológica da Sudotec. Foi graduada há um ano e mudou-se para sede própria. “Desde a entrada na Sudotec, recebemos aportes de investidores anjos. As consultorias do Sebrae ajudaram bastante, pois somos da área técnica e tivemos o suporte nas áreas financeira e de gestão de pessoas, entre outras”, exemplifica Masson.

A Leigado também faz parte do programa Tech by Sebrae e  conta com clientes em 23 estados do Brasil e também no Paraguai, México, Costa Rica, Bolívia e Portugal.

Equipe da Leigado, que está captando recursos em uma plataforma colaborativa na internet

 

Preparação
Elizandro Ferreira, consultor do Sebrae/PR, explica que a melhoria da performance das startups é um dos objetivos dos programas da instituição.

“Temos startups em fase de escalabilidade de mercado no ecossistema de inovação do Sudoeste, como é o caso da Leigado e da LeadFinder. Além de apoiar a promoção de um ambiente adequado para que essas empresas se desenvolvam, também damos suporte para que possam alcançar resultados em vendas e crescimento", relata Elizandro.

O consultor acrescenta ainda que a preparação se estende a outros fatores. “A questão da captação de recursos, por exemplo. Nas consultorias, trabalhamos para que cada startup possa entender em que fase se encontra o empreendimento, deixando assim mais assertiva a decisão de receber ou não um investimento", finaliza.

Fonte: Assessoria de Imprensa Sebrae
 
 
 

Dom Pedro I, 219
Bairro das Torres
Dois Vizinhos - PR

(46) 3536-5036
9 8419-5036

Desenvolvido por Grupo Mar Virtual